OFICINAS DO PROJETO MÚSICA E EDUCAÇÃO GRIÔ


Os griôs são a biblioteca viva onde corre o sangue que circula na comunidade” (provérbio africano)



Em  dezembro de 2012, a Rede Indenpendente Educação Griô   incíou de forma sistemática ações educativas e culturais  pela valorização dos saberes de matriz africana e indígena.O projeto Música e Educação Griô se realiza através de uma metodologia de participação comunitária na busca  de construções estratégicas  de implementação da lei 10639/03 que tornou obrigatório o ensino da história da   África e da Cultura Afrobrasileira em todas as escolas públicas e privadas do país. Essa lei foi criada há 10 anos, mas até hoje ainda não está efetivada nas escolas!!!

Dj Sleep



Essa busca se afirma pela necessidade de  dar acesso ao povo brasileiro no conhecer a sua própria história; os saberes e os  sons que contam as narrativas esquecidas pela educação formal: os saberes das comunidades urbanas e rurais que  ainda hoje circulam  na rua, nos campos, nos cânticos de trabalho, nos fazeres mágicos-sagrados, poéticos e éticos dos povos que constituíram nossa diversidade cultural e nossa sociedade. 

 A pedagogia griô tem sido  um modo privilegiado de construção sistemático das vivências musicais e educacionais que estão sendo desenvolvidas  com um coletivo formado por estudantes, músicos, produtores musicias, educadores  e pesquisadores.

 
A terceira Roda de Conversa  do projeto  teve a presença do Mc Ralph de Taubaté (SP), do Dj Sleep (SP) e da Professora Doris (RJ) que compartilhou com os estudantes presentes  a experiência desenvolvida com o REP em sua escola, que culminou no projeto  A pedagogia griô,   idealizada e e sistematizada por Lilian Pacheco e Márcio Caires, tem sido a trilha nos caminhos da valorização da cultura  e dos saberes pretos e índios que correm  na  veias  onde circula o sangue que faz bater o coração do nosso povo.

Mc Ralph, Mc Joaquim e Adeline

Máximo respeito aos griots africanos, aos contadores de histórias, aos poetas, aos cantadores, aos andarilhos,aos músicos, aos mensageiros que  fazem o elo entre a ancestralidade e fazem  cicular saberes, modos de existir, potencias de olhares e a continuidade das histórias. Gratidão Mc Ralph e Dj Sleep pelo encontro e pela construção coletiva! 



Próximo encontro:  28/02/2013 às 14h. / Local: Escola de Comunicação e Cultura da UFRJ, URCA
Praia Vermelha, Rio de Janeiro.  

Inscrições gratuitas no local.

Mais informações: adriana.edugrio@gmail.com

Apoio: Pontão de Cultura Digital ECO-UFRJ/ MinC – Casa de Jurema do Rei Salomão
Realização: Rede Educação Griô / Coordenação: Adriana de Holanda e Priscila Faria



Anúncios